» Cap 08 - Normas para Saltos com Liberação de Velame

Código Esportivo da CBPq

Capítulo VIII - Normas para Saltos com Liberação de Velame

Art. 186 - Quando se fizer saltos em que o paraquedista voluntariamente vai liberar o seu velame já inflado (Cut Away), obrigatoriamente e de modo antecipado, o público deverá ser alertado sobre o que vai ocorrer através de mensagens na mídia e/ou utilizando-se serviço de som adequado.

Art. 187 - Somente paraquedistas com Categorias "C" e superiores estão autorizados a realizar esse tipo de salto.

Art. 188 - O equipamento a ser utilizado deverá estar homologado por fábrica reconhecida e o paraquedista deverá portar 3 (três) paraquedas, sendo um deles afixado na barriga.

Art. 189 - A área programada para o salto deverá oferecer boas condições para o resgate do velame liberado, sendo inadmissível o salto sobre zona urbana em face dos danos que podem ser causados a terceiros.

Art. 190 - É recomendável que a velocidade do vento por ocasião da liberação voluntária do velame não deva exceder a 6 nós ou 11 km/h ou 3 m/s, a fim de favorecer o resgate do velame liberado.

Art. 191 - Antes de cada salto deve ser ministrada uma instrução em equipamento suspenso, com validade de até 15 (quinze) dias, sob a responsabilidade de um Instrutor qualificado ou por paraquedista já experiente neste tipo de salto, com anotação na Caderneta de Salto do interessado que vai realizar o salto.

Art. 192 - A altura mínima para o salto com liberação voluntária do velame é de 4.500 (quatro mil e quinhentos) pés e o paraquedista que fará o "Cut Away" deverá estar afastado vertical e horizontalmente de outros velames também já inflados, quando provocar a liberação.

§ Único: A liberação do velame deverá ocorrer acima de 3.000 (três mil) pés.


Outros Artigos de CÓDIGO ESPORTIVO
 
» Cap 01 - Normas Administrativas
 
» Cap 02 - Normas de Segurança
 
» Cap 03 - Normas para Instrução Segundo o Programa A.S.L.

ver todas
 
voltar     |     topo

HOME

CURSOS
- CURSOS
- DÚVIDAS DO CURSO
- DÚVIDAS FREQUENTES

SALTO DUPLO
- SALTO DUPLO
- DÚVIDAS SALTO DUPLO

SHOWS

FOTOS
- ALUNOS
- SALTOS DUPLOS
- SHOWS
- DIVERSAS
VIDEOS
- ALUNOS
- SALTOS DUPLOS
- SHOWS
- DIVERSOS

LEGISLAÇÃO
- CÓDIGO ESPORTIVO

DOWNLOADS

LINKS

CONTATO
NEWSLETTER

Receba em sua caixa postal notícias sobre promoções, eventos e novidades!!!

Nome:


E-Mail:


CONTATOS

  Telefones:

(62) 9953-5454
(62) 8119-2789

  E-Mail:

contato@voegoias.com.br



O pára-quedismo é um esporte de risco e, mesmo quando, praticado de acordo com as normas de segurança que regem o esporte,
há chances de que seus praticantes possam vir a sofrer ferimentos ou até mesmo morrer em decorrência de sua prática.